sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

DESASSOSSEGANDO

Vivo sempre no presente. O futuro, não o conheço. O passado, já o não tenho. Pesa-me um como a possibilidade de tudo, o outro como a realidade de nada. Não tenho esperanças nem saudades. Conhecendo o que tem sido a minha vida até hoje - tantas vezes e em tanto o contrário do que eu a desejara -, que posso presumir da minha vida de amanhã senão que será o que não presumo, o que não quero, o que me acontece de fora, até através da minha vontade? Nem tenho nada no meu passado que relembre com o desejo inútil de o repetir. Nunca fui senão um vestígio e um simulacro de mim. O meu passado é tudo quanto não consegui ser. Nem as sensações de momentos idos me são saudosas: o que se sente exige o momento; passado este, há um virar de página e a história continua, mas não o texto.

Breve sombra escura de uma árvore citadina, leve som de água caindo no tanque triste, verde da relva regular - jardim público ao quase crepúsculo -, sois, neste momento, o universo inteiro para mim, porque sois o conteúdo pleno da minha sensação consciente. Não quero mais da vida do que senti-la perder-se nestas tardes imprevistas, ao som de crianças alheias que brincam nestes jardins engradados pela melancolia das ruas que os cercam, e copados, para além dos ramos altos das árvores, pelo céu velho onde as estrelas recomeçam.

in Livro do Desassossego de Fernando Pessoa, composto por Bernardo Soares, Ajudante de Guarda-livros na cidade de Lisboa.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

YOUTUBE CINEMANIA III NOTAS AMARELAS



Proponho hoje o visionamento da curta-metragem "Yellow Sticky Notes". Um filme de animação (aparentemente) simples, poético e inspirador. A premiada obra do cineasta Jeff Chiba Stearns foi animada apenas com caneta preta e mais de 2700 Post-It's.

Se preferir ver o filme em ecrã maior clique aqui e depois na seta dupla no canto superior direito. Um pedido de desculpas aos leitores não falantes de inglês pois não existem legendas.

domingo, 24 de janeiro de 2010

COLORGRAPHIA LXXI


Amedeo Modigliani, "Nu Sentado Sobre Sofá" 1917, óleo sobre tela, 100 × 65 cm, colecção privada.

Assinalando os 90 anos sobre a data da morte do atormentado mestre italiano.

Ligações:
Wikipedia - Amedeo Modigliani
Modigliani-Foundation.org
Amedeo Modigliani - Biografia - UOL Educação
ArtCyclopedia - Amedeo Modigliani Online

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

COMENTÁRIOS E OUTRAS COISAS QUE TAIS

Como os leitores deste blogue são normalmente tímidos não estranhei estar 20 dias sem receber uma única palavra. Só recentemente reparei que os comentários tinham desaparecido daqui, ao dirigir-me à página do Haloscan constatei que este tinha passado de gratuito a pago, há possibilidade de exportar tudo num ficheiro xml, mas não encontro maneira de fazer a importação para o Blogger. Assim sendo vou manualmente copiar e colar o que os leitores escreveram nos últimos 2 meses; se alguém descobrir uma solução fácil é favor avisar (nos comentários, claro).

Por falar em serviços gratuitos aproveito para admoestar alguns colegas blogadores (cof, cof...): pela vossa rica saúde esqueçam o Sitemeter e afins. Já há quase 3 anos que se sabe que tais serviços usam cookies espiões colocando em risco a privacidade dos leitores, originando popups e atrasando o carregamento das páginas. Devem bloquear-se os cookies desses sítios no respectivo navegador e quem quiser uma alternativa gratuita e limpa é só recorrer ao excelente Statcounter. Se quiser preservar o seu arquivo de estatísticas pode manter a sua conta no Sitemeter.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

YOUTUBE MUSICAL XX - COLORGRAPHIA LXX - EFEMÉRIDES: ELIS, CÉZANNE, EU


"Upa Neguinho" de Edu Lobo e Gianfrancesco Guarnieri.


A 19 de Janeiro de 1982 desaparecia fisicamente Elis Regina, para recordar a sua garra e a sua energia nada melhor que ouver o Upa Neguinho.


Paul Cézanne, "Jas de Bouffan, le bassin" c. 1876, óleo sobre tela.

A 19 de Janeiro de 1839 nascia Paul Cézanne, um dos pintores mais influentes da História da Arte.

A 19 de Janeiro de 1966, no dia em que Indira Gandhi tomava posse pela primeira vez como Primeira-Ministra, nascia o autor deste blogue.

domingo, 17 de janeiro de 2010

PELOS MAIS PEQUENOS


Imagem de um menino haitiano recebendo ajuda médica numa clínica médica improvisada. Fotografia tirada em 12 de Janeiro de 2010 e sob uma licença Creative Commons.

A UNICEF tem ao longo de muitas décadas demonstrado ser merecedora da nossa confiança ao ajudar milhões de seres humanos a recuperar a sua dignidade. Perante o caos e o desespero que se apoderaram do Haiti torna-se imperioso intervir o mais rapidamente possível. Devemo-nos sobretudo lembrar das crianças que nestas situações são extremamente vulneráveis.

Pode ajudar fazendo um donativo:
-----------------------------------
» Nas Caixas Multibanco - Menu "Transferências", Seleccionar "Ser Solidário", Optar por "UNICEF".
(Para obter o comprovativo do donativo, válido para efeitos fiscais, seleccionar a opção "Factura" e introduzir o Número de Contribuinte).

» Por Cheque endereçado ao Comité Português para a UNICEF, Av. António Augusto de Aguiar, 56 - 3.º Esq., 1069-115 Lisboa.

» Conta na Caixa Geral de Depósitos: NIB 0035 0097 0000 1996 1303 1 (depósito ou transferência bancária).
-----------------------------------

Não esqueça! Para todas as crianças: saúde, educação, igualdade, protecção.

P. S. os leitores brasileiros poderão contribuir clicando aqui e depois em "Doação on-line - Colabore com o UNICEF".

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

PHOTOGRAPHIA XXXII - FÉLIX NADAR


Sarah Bernhardt por Félix Nadar c. 1864, imagem digitalmente retocada, original (invertido) aqui.

Uma intenso retrato da jovem Sarah feito por Nadar. Muito haveria a dizer* sobre ambos, mas fiquemos, por agora, com a fotografia...

* Um lugar-comum de quando em vez não faz mal a ninguém.

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

O NOSSO LAR


No primeiro dia da década proponho uma reflexão sobre o modo como tratamos o nosso lar planetário. O documentário Home de Yann Arthus-Bertrand poderá não possuir uma qualidade cinematográfica excepcional, porém dá-nos a oportunidade de ter uma visão global sobre o impacto do Homem no planeta Terra.

Além do aquecimento global são também abordados outros problemas tão ou mais importantes. A poluição, a pobreza, a sobre-exploração dos recursos naturais, a escassez progressiva de água potável, tudo isso afecta a humanidade como um todo. Já não é possível enterrar a cabeça na areia e pensar que são problemas do Terceiro Mundo. Somos efectivamente uma aldeia global e não nos podemos permitir ficar apáticos.

P. S. use o botão com o triângulo para activar as legendas e depois seleccione a tradução de inglês para português (do Brasil), o resultado final é bastante satisfatório apesar de ser "feito pela máquina". Se o seu processador for recente opte pela Alta Definição (HD).
Clique em "Mensagens antigas" para ler mais artigos fantásticos do Arquivo.

Temas

(so)risos (4) 100nada (1) 25 de Abril (5) 4º aniversário (1) 90's (2) actualidade (1) Ambiente (2) Aniversários (13) Ano Novo (4) Arquitectura (1) Arte (2) Astronomia (6) avacalhando (1) Blogosfera (78) boicote AdC (1) borlas (2) burla (1) cantarolando (1) cidadania (4) Ciência (6) Cinema (7) Cinema de Animação (2) classe (1) coisas (1) coisas da vida (5) Como disse? (1) Computadores e Internet (28) Contra a censura (1) contrariado mas voltei (1) corrosões (1) cultura (1) curiosidades (1) dass (1) de férias; mas mesmo assim não se livram de mim (2) Década Nova (1) Democracia (5) depois fica tudo escandalizado com as notas dos exames de português (1) Desporto (3) Dia do Trabalhador (1) Direito ao trabalho (1) ditadores de Esquerda ou de Direita não deixam de ser ditadores (1) é que eu amanhã tenho de ir trabalhar (1) eco (1) Economia (5) efemérides (2) eles andam aí (1) Elis (2) Em bom português se entendem 8 nações (2) em homenagem ao 25 de Abril (1) Em Pequim o Espírito Olímpico morreu (1) escárnio e maldizer (1) Escultura (3) espanta tédio (1) estado do mundo (1) Fado (1) Fernando Pessoa (1) festividades (3) Festividades de Dezembro (2) Filosofia (3) Fotografia (24) fotojornalismo (1) fuck 24 (1) fundamentalismos (1) futebol (1) Futuro hoje (1) ganância (3) gastronomia (1) Geografia (1) Grande Música (38) grátis (1) História (4) inCitações (13) injustiça (1) Internet (4) internet móvel (1) Internet: sítios de excelência (1) intervenção pública (3) inutilidades (7) Jazz (2) jornalismo (1) ladrões (1) Liberdade (7) liberdade de expressão (2) língua portuguesa (4) Lisboa (2) listas (1) Literatura (9) Livro do Desassossego (1) Má-língua (1) mentiras da treta (1) miséria (1) MPB (5) Mundo Cão (5) música afro-urbana (1) Músicas (13) não te cales (2) Navegador Opera (2) ninguém me passa cartão... (1) Noite (1) o lado negro (1) o nosso futuro (1) oportunismo (1) os fins nunca justificam os meios (1) paranoia (1) parvoíces (1) pessoal (8) Pintura (129) podem citar-me (3) Poesia (30) política (10) política internacional (2) porque são mesmo o melhor do mundo (2) Portugal (3) Portugal de Abril (4) preciosa privacidade (6) preguiça (1) Programas de navegação (1) quase nove séculos de crise (3) quotidiano (2) resistir (2) resmunguices (7) respeite sempre os direitos de autor (1) Seleção AdC - Internet (1) Selecção AdC - Internet (2) serviço público AdC (1) Sexo (1) so(r)risos (5) Solidariedade (3) Taxa Socas dos Bosques (1) Teatro (1) Tecnologia (1) televisão (1) temos de nos revoltar (1) Terceiro Mundo (20) The Fab Four (1) trauteando (1) Um aperto no coração (1) umbigo (8) UNICEF (1) vai tudo abaixo (2) vaidades (7) vampiros (1) Verdadeiramente Grandes Portugueses (4) vidas (1) vou ali e já venho (1) YouTube (3)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...